Dicas
Atualizado em
Leitura 5 min

Como saber se meu chip foi bloqueado?

Gabriela Resende, jornalista de Portal de Planos

Por

Jornalista — Portal de Planos

Quando o chip é bloqueado, ficamos impedidos de realizar e receber ligações, bem como de usar os dados móveis de internet e até mesmo mensagens SMS. Ou seja, as diferentes funcionalidades oferecidas pela operadora deixam de funcionar e seu chip se torna inativado.

Em casos de perda, extravio, furto ou roubo de celular, é fundamental realizar rapidamente o bloqueio do chip da operadora. Dessa maneira, evitam-se problemas de uso de dados e de informações confidenciais. No Brasil, infelizmente, casos de furtos e roubos de smartphone são frequentes, o que demanda atenção redobrada com o aparelho.

Além disso, uma causa de bloqueio do chip muito comum é devido ao fato de usuários de planos pré-pagos ficarem muito tempo sem recarregar. Isso gera um questionamento: como saber se meu chip foi bloqueado por falta de recarga? 

É interessante ressaltar que cada operadora realiza o procedimento de uma forma. Por isso, fique atento a este post e descubra como saber se meu chip foi bloqueado, como bloqueá-lo em casos de necessidade e qual é o passo a passo que deve ser seguido de acordo com as orientações das operadoras de telefonia.

Bloqueado por falta de recargas ou por falta de pagamento da fatura

Geralmente, em planos pré-pagos, existe um limite de tempo máximo para ficar sem recarregar. Algumas operadoras, depois de 180 dias seguidos sem recargas, cancelam os números. 

Já nos planos pós-pagos, mensalmente, uma fatura é gerada para o cliente referente ao plano contratado. Em caso de atrasos, o chip pode ser bloqueado e o usuário fica sem acesso aos serviços. Mas como saber se meu chip foi bloqueado?

Para identificar se seu chip foi bloqueado, primeiro verifique quando foi feita a última recarga. Tendo em vista este prazo, você perceberá se está dentro do limite ou não. 

Nas mensagens do seu celular, cheque se recebeu algum alerta da operadora solicitando recarga ou informando quando aconteceria o cancelamento. 

Para clientes pós-pagos, deve-se checar se todas as faturas estão em dia. Caso não, ligue para a operadora e solicite uma segunda via ou renegociação.

Além disso, deve-se entrar em contato com a Central de Atendimento da operadora para saber mais detalhes sobre o encerramento do seu número ou solicitar outras informações. 

O número específico para cada uma das operadoras pode ser consultado neste post, além de outras dicas sobre quais são os melhores horários para contato e demais canais de informação. 

Dessa forma, para evitar surpresas desagradáveis como essa, opte por fazer recargas com determinada frequência, da forma mais confortável que preferir. De acordo com seu orçamento mensal, escolha o valor mais conveniente. Contudo, verifique o prazo de validade da recarga escolhida e fique atento à sua duração.

Algumas maneiras de colocar créditos são online, em postos de recarga credenciados, via cartão de crédito, atendimento virtual, SMS e até recarga programada. As operadoras Oi, Claro, Nextel, TIM e Vivo trazem formas práticas para seus clientes recarregarem seus chips rapidamente e com total segurança. 

Verifique as mensagens em seu celular

Os vencimentos dos prazos são comunicados pelas operadoras de telefonia, em sua grande maioria, via SMS. Por isso, caso suspeite que seu chip foi bloqueado, veja o histórico de mensagens. 

Neste mesmo local, onde estão armazenados seus SMS, certifique-se de que foi enviado para você algum comunicado apontando o fim do prazo para recarga. Usualmente, estas informações são enviadas com antecedência pelas operadoras. 

Faça um teste para verificar se é mau funcionamento

Em algumas situações, pensamos que o chip pode estar bloqueado. No entanto, pode ser que ele não esteja encaixado corretamente ou sofreu alguma danificação, o que atrapalha suas funcionalidades. 

Para saber se essa é uma das causas, opte por retirar o chip e verificar o slot onde ele é encaixado. Se puder, coloque-o em outro aparelho e faça uma ligação para testar. Caso funcione, o problema pode ser em seu aparelho. 

Outra maneira de provar o funcionamento é inserir, em seu celular, um chip secundário e testar o funcionamento. Se a ligação acontecer normalmente, o problema está relacionado ao seu chip principal.

E ainda em relação a essa situação, vale mencionar que, se o seu aparelho está apresentando algum tipo de problema de funcionamento, uma assistência técnica pode ajudar a resolver isso. Se achar mais vantajoso, opte pela troca do celular.

Bloqueio do aparelho é diferente de bloqueio de chip

Uma confusão frequente é a solicitação do bloqueio do aparelho devido à perda, furto ou roubo. 

Para impedir que o aparelho seja usado, deve-se pedir o seu bloqueio o mais rápido possível. Para isso, ligue para sua operadora e informe o número de IMEI.

Toda vez que comprar um celular, anote o número de IMEI em um local de fácil acesso, como em um bloco de papel, agenda ou outro de sua preferência. Isso é imprescindível para evitar qualquer possível problema no futuro. Para isso, digite *#06# no aparelho e anote o número que aparecer na tela. Outras duas formas são consultando atrás da bateria (para modelos cuja bateria é removível) ou na caixa do dispositivo. 

Se eventualmente acontecer alguma situação que necessite do bloqueio do aparelho, entre em contato com sua operadora e forneça este código do IMEI para a solicitação.

Vale frisar que o aparelho estará bloqueado, mas o chip ainda não. Por isso, na central de atendimento, solicite também ao atendente o bloqueio do chip.

É fundamental registrar um boletim de ocorrência para sua segurança e que sejam tomadas todas as medidas necessárias.

Como bloquear o chip TIM?

Para fazer esse procedimento, basta ligar para o número *144, diretamente do seu TIM, ou 1056, em qualquer telefone. Primeiro, ouça atentamente à gravação e selecione a opção para falar diretamente com um atendente. A partir daí, você será informado sobre quais são os próximos passos. 

Outra forma de bloquear o chip da TIM é em uma das lojas físicas da operadora espalhadas pelo Brasil.

Tenham em mãos documentos de identificação, já que eles podem ser solicitados para efetuar o atendimento e confirmar seus dados cadastrais. Além disso, somente o usuário ou titular da linha pode pedir essa ação. 

A operação de bloqueio do TIM chip é gratuita. Mais detalhes podem ser conferidos aqui.

Como bloquear o chip Oi?

Para solicitar o bloqueio do seu chip Oi, há algumas maneiras. O aplicativo Minha Oi, disponível para Android e iOS, oferece a possibilidade do cliente, após login com seus dados cadastrais, solicitar o bloqueio em casos de perda ou roubo. 

Pelos telefones *144, direto do seu Oi, ou 1057, em qualquer telefone, para falar com um dos atendentes da central e pedir o bloqueio. Além disso, você poderá tirar dúvidas sobre todo o procedimento.

Demais detalhes podem ser conferidos aqui.

Como bloquear o chip Claro?

A Claro oferece algumas formas para seus clientes bloquearem o chip. Para ser mais prático, pelo aplicativo Minha Claro, pode ser solicitado o bloqueio. O app está disponível para Android e iOS.

Para quem desejar, basta entrar em contato com a central de atendimento pelo número 1052. Neste canal, os atendentes informarão como é feito o procedimento e tirarão todas as suas dúvidas.

Presencialmente, em uma das lojas físicas da operadora, é possível realizar o pedido de bloqueio e solicitar informações complementares que resolverão suas dúvidas.

Outros detalhes podem ser obtidos neste link.

Como bloquear o chip Vivo?

Os clientes Vivo que desejam solicitar o bloqueio de seus chips podem realizar a partir do app Minha Vivo. Nele, após fazer login com seus dados, basta seguir até a opção “bloqueio por perda ou roubo” e seguir o passo a passo.

Por telefone, essa solicitação pode ser feito pelos números *8486, em seu Vivo, ou 1058, usando qualquer telefone fixo ou móvel. 

Fique por dentro de todas as opções oferecidas pelo Vivo aqui.

Como bloquear o chip Nextel?

Se você deseja bloquear o seu chip Nextel, é necessário solicitar atendimento pela página Meu Nextel, disponível no site da operadora. Para isso, deve-se informar seu número de telefone e senha cadastrados. 

Clientes Nextel também podem pedir essa operação por telefone pelos números

1050, (11) 4004-6611 ou *611. Nestes canais, os atendentes tiram suas dúvidas, apresentam os demais serviços e realizam o bloqueio.

Como fazer para desbloquear meu chip?

Se você deseja reabilitar seu chip, basta entrar em contato com a operadora. Serão solicitados seus dados cadastrais e explicados todos os procedimentos necessários para o desbloqueio e retomada da sua linha. Por isso, fique atento às coordenadas informadas pelo atendente, anote o número do protocolo e verifique junto a ele se sua situação já está regularizada na operadora.

Dicas complementares

Caso não esteja satisfeito com os serviços oferecidos por sua operadora, conheça outros planos. Não fique sem comunicar. Com certeza algum dos planos pré, pós ou controle das principais operadoras de telefonia móvel do Brasil conseguirá atender suas demandas e se encaixar em seu orçamento mensal. 

Por fim, uma dica fundamental em todas as solicitações feitas à operadora é anotar o número de protocolo do atendimento. Dessa forma, é possível reivindicar a solução do seu problema com segurança.

Conseguiu tirar suas dúvidas com este post? Conte para a gente se o bloqueio do seu chip foi feito rapidamente e se conseguiu solucionar suas demandas. Compartilhe nas redes sociais.  

Gabriela Resende, jornalista de Portal de Planos
Escrito por:

Gabriela Resende

Graduada em Relações Internacionais (Uni-BH) e Jornalismo (PUC-MG), Gabriela Resende é jornalista do Portal de Planos e especialista em telecomunicações. Por acreditar na importância do acesso à informação, produz conteúdos para que você possa, de forma simples e clara, fazer a escolha dos seus planos de telecomunicações e entender mais sobre tecnologia.

artigos/chip-bloqueado
4.500