Seu Celular Caiu na Água? Veja o que Fazer Quando Isso Acontece em 10 Passos

“Meu celular caiu na água e não liga mais! O que fazer? Tem conserto? E agora?”

“Meu iPhone caiu na água e não liga mais! O que fazer? Tem conserto?”

“Meu Moto G caiu na água! O que fazer?”

Calma, não precisa se desesperar!



Nós do Portal de Planos vamos te mostrar passo a passo o que fazer quando o celular cai na água.  😀

Confira o que você vai encontrar por aqui:

  1. O que fazer quando o celular cai na água – #3 cuidados urgentes
  2. O que fazer quando o celular cai na água – #7 passos para resolver o problema
  3. E se o celular caiu na água SALGADA?
  4. Meu celular caiu na água – O que não fazer!
  5. Banho químico no celular/iPhone
  6. Observações
  7. Dicas e conclusão

 

Antes de mais nada

o-que-fazer-quando-o-celular-cai-na-água

Se o seu celular caiu na água e você precisa tomar uma medida urgente, corra para o tópico 1 e siga exatamente o passo a passo! É bom que você também dê uma olhada no que você não deve fazer.

Esteja ciente, de que o método apresentado neste artigo, é a melhor chance de salvar o seu celular, e muitas pessoas já tiveram sucesso nesta missão. Porém, não é 100% de certeza de que seu celular vai escapar dessa.  😐

 

1. O que fazer quando o celular cai na água – #3 cuidados urgentes




1. Retire o celular da água

Provavelmente este passo você já fez, mas se ainda não fez, faça agora mesmo! Quanto menos tempo na água, mais chances de salvação. Se ele estiver ligado na tomada, não encoste nem no carregador e muito menos no celular. Desligue a energia da casa antes, para não correr risco de levar um choque fatal!

2. Remova a bateria para evitar “curtos”

Se ela não for removível, vá direto para o passo 3.

3. Desligue o celular imediatamente

Se ele já estiver desligado, deixe assim, mesmo que sua vontade de liga-lo para verificar se não estragou (e nós sabemos que é) seja muito grande.

 

2. O que fazer quando o celular cai na água – #7 passos para resolver o problema





4. Desmonte o celular por completo

Retire a capinha, chips, cartões de memória e tudo que conseguir. Você pode encontrar tutoriais específicos de como desmontar seu aparelho no Youtube ou no manual de instruções (até mesmo como remover a bateria “não removível”)

5. Coloque todos os componentes sobre um papel-toalha

6. Seque cada um dos componentes com um lenço (que não solte fiapos)

Se necessário, envolva um pedaço do lenço em um cotonete para alcançar algumas partes mais finas e delicadas. Faça isso com movimentos delicados, a fim de não danificar nenhum componente sensível, não espalhar mais a água e nem obstruir cavidades com pedaços de papel molhado.

7. Cubra-o com materiais que absorvam umidade

Coloque o aparelho em uma vasilha tampada (assim a umidade do ar não atrapalha) com arroz cru e deixe-o em repouso por no mínimo 48h. No lugar do arroz, você também pode utilizar o gel de sílica ou o AF Tech-Rescue.

8. Mude a posição a cada 12 horas

É importante que toda a superfície do celular fique coberta.

9. Coloque o aparelho sobre um papel toalha

Deixe-o em repouso por no mínimo 4 horas e verifique se ainda há sinal de umidade. Se houver, repita os passos 6 e 7.

10. O teste final!

Se não há mais indícios de umidade no seu aparelho, monte o aparelho e ligue-o. Se ele não funcionar, não se desespere, pode ser que ele simplesmente esteja descarregado. Se for o caso, coloque-o pra carregar, mas só ligue o carregador na tomada quando o aparelho não estiver mais em suas mãos (pra você não correr risco de levar um choque!).


 

O que fazer quando celular cai na água – simplificado

Veja só o que fazer quando o celular cai na água passo a passo:

  1. Tire o celular da água imediatamente!
  2. Retire a bateria se possível
  3. Desligue o aparelho se a bateria não for removível
  4. Desmonte o celular completamente
  5. Coloque todos os componentes (chip, cartão de memória…) sobre um papel toalha
  6. Seque os componentes com um lenço
  7. Cubra o aparelho totalmente com material absorvente (arroz, gel de sílica ou AF Tech-Rescue) por np mínimo 48 horas
  8. Mude-o de posição a cada 12 horas
  9. Coloque o celular sobre um papel toalha por no mínimo 4 horas. Se após isso ainda houver umidade, repita os passos 6 e 7.
  10. Chegou o momento de testar! Ligue o aparelho e veja se está funcionando

teste-de-velocidade-de-conexão-da-internet

 

3. E se o celular caiu na água SALGADA?

Se o seu celular caiu na água salgada você precisa lavar ele internamente com água doce como você pode ver no vídeo, pois o sal é mais prejudicial do que a própria água:

Se mesmo assim ele não funcionar, sua última chance é levá-lo à assistência técnica que provavelmente dará um “banho químico” no seu celular.

 

4. Meu celular caiu na água – O que não fazer!

meu-iphone-caiu-na-água

1. Não force a barra

Não recomendamos o uso de secadores, nem de aspiradores de pó e muito menos de fornos. Isso pode até funcionar, mas as chances de você estragar seu aparelho são muito maiores!

A alta temperatura tanto de um secador como de um forno pode facilmente derreter componentes do circuito elétrico do seu aparelho; a pressão do aspirador pode quebrá-los e o vento do secador (mesmo frio) pode empurrar a água para lugares mais difíceis de tirar.

2. Não se mate!!

Reforçando, em hipótese alguma tente retirar o celular da água com suas próprias mãos se o aparelho estiver ligado ao carregador, e este ligado à tomada. Sequer toque no carregador. Desligue a energia da casa na caixa de energia, confira que de fato a energia está desligada e só então você pode tirar o carregador da tomada e o celular da água. Se você não tomar esses cuidados, pode até mesmo tomar um choque fatal!


3. Não mate seu aparelho!

Jamais coloque para carregar antes de ter certeza que o aparelho está seco! A água (tanto doce quanto salgada) conduz eletricidade com facilidade, podendo causar curto-circuito em vários pontos da placa do celular.

4. Não faça nada que você não tenha certeza

Nunca tente desmontar completamente o aparelho se não tiver conhecimento técnico o suficiente pra isso. Você pode estragar o aparelho, ser exposto a materiais tóxicos ou tomar um choque.

Retirando as peças removíveis (chips, cartão de memória, bateria…) já irá ajudar muito.

5. Não deixe o aparelho próximo a lugares úmidos

Nada de deixá-lo na cozinha ou no banheiro.

 

5. Banho químico no celular/iPhone

Veja como é o procedimento do banho químico no celular (no iPhone é a mesma coisa) realizado pelas assistências técnicas para remoção da oxidação que aparece se seu celular caiu na água e não foi adequadamente seco à tempo.

 

6. Observações

meu-celular-caiu-na-água

Garantia: esteja ciente de que a garantia não vale mais quando seu celular é molhado. E os smartphones de hoje em dia tem sensores internos que indicam quando isso acontece. No iPhone, o fundo do conector do fone de ouvido é branco, mas fica vermelho ou rosado se o celular for molhado (o mesmo acontece em outras partes do aparelho).

Sílica vs arroz: a sílica é uma opção mais eficiente do que o arroz, sem falar que o arroz pode soltar um “pozinho” (mas as chances disso prejudicar seu celular são muito pequenas). Porém, o acesso ao arroz é muito mais prático e rápido, e já vimos que quanto mais rápido você secar o aparelho, maiores são as chances de salvação.

Oxidação: Mesmo que o seu celular ligue e funcione corretamente, monitore o seu desempenho ao por alguns dias. Pode ser que ele funcione bem de início, mas comece a falhar eventualmente. Isso acontece por conta da oxidação e corrosão que a umidade pode ter causado, gerando mau contato. A alternativa que resta é levar o aparelho para assistência técnica para eles desmontarem o aparelho e tirarem a oxidação com o banho químico.

Bateria: a bateria é a parte mais sensível no que diz respeito ao contato com a água e mesmo que você recupere o aparelho, o desempenho e a vida útil da bateria podem estar comprometidos.

Cartão SIM e cartão SD: para algumas pessoas, salvar o cartão de memória, onde estão as fotos, vídeos e músicas, e o chip (cartão SIM), onde provavelmente estão muitos dos seus contatos, é mais importante que salvar o aparelho. A boa notícia é que esse componentes dificilmente são danificados por um contato rápido com água. Geralmente só ocorrem problemas quando o tempo de contato é muito grande, causando oxidação e corrosão.

 

7. Dicas e conclusão

o-que-fazer-quando-o-celular-cai-na-água

Sabemos que ter o celular molhado é uma situação bastante desagradável e até mesmo desesperadora.

Mas não entre em pânico e nem sofra antes da hora. Existem casos e casos.

Já soubemos de celulares que foram totalmente submersos e continuaram funcionando normalmente (e nem eram à prova d’água), outros que voltaram à vida após alguns dias, outros após um mês!…

Também há casos de aparelhos que com apenas uma chuvinha nunca mais retornaram do mundo dos mortos.  😥

Então o melhor que você pode fazer é conter a sua ansiedade e seguir o passo a passo que te ensinamos aqui sobre o que fazer quando o celular cai na água (não queira conferir se o celular está funcionando antes de pelo menos 48 horas).

Ahh, lembrando que existem capinhas à prova d’água também, que são uma boa medida preventiva de futuros acidentes, mas são feitas pensando nos momentos em que você sabe que o contato com água é bem possível, como na praia ou próximo à piscinas.

 

Seu celular caiu na água e você conseguiu salvar?

celular-caiu-na-água

Você que chegou aqui perguntando:

“Meu celular molhou, o que fazer? Meu iPhone molhou, e agora?”

“O que fazer quando o celular cai na água?”

Conseguiu trazer seu amigo de volta do mundo dos mortos?

Teve alguma dificuldade? Tem alguma dúvida ou sugestão?

Então conta pra gente logo mais nos comentários e compartilhe!