Dicas
Atualizado em
Leitura 4 min

Como economizar bateria do celular?

Gabriela Resende, jornalista de Portal de Planos

Por

Jornalista — Portal de Planos

Ter uma bateria em seu smartphone que dure o dia todo e que não deixe você na mão quando mais precisa seria um sonho, não é mesmo? Não precisar procurar uma tomada para recarregar ou nem mesmo ficar refém de um carregador portátil seria ótimo. 

Atualmente, as baterias dos smartphones estão sendo desenvolvidas cada vez com mais capacidade de armazenamento de carga e com sistemas otimizados para sua economia. Contudo, o uso de aplicativos, telas maiores, mais brilhantes e com alta resolução, além de jogos com gráficos potentes e câmeras de grande resolução, são alguns dos fatores que descarregam a bateria mais rapidamente ao usá-los.

Por isso, neste texto, apresentamos algumas soluções de como economizar a bateria do celular, driblar problemas de duração e fazer com que a durabilidade seja maior mesmo usando todas as tecnologias presentes em seu aparelho. 

Formas de diminuir o consumo da bateria

Geralmente, as dicas a seguir valem para smartphones com qualquer sistema operacional, seja Android ou iOS. Por isso, teste em seu celular e veja as diferenças.

Antes de realizar as operações indicadas abaixo, faça uma checagem em sua bateria para verificar quais são os aplicativos e funções que mais consomem a energia. Para isso, vá até as configurações e siga para o menu “Bateria”. Nesse espaço, será apontado qual aplicativo consome mais. Feito isso, procure saber quais são as possíveis causas desse problema, se o app está atualizado para a última versão etc. 

Diminuir o brilho da tela

Quanto maior a tela do smartphone, mais ele tende a consumir energia. Um dos pontos que mais contribuem para este gasto é a função de adaptação do brilho conforme a luz do ambiente. Com essa opção habilitada, o smartphone é capaz de aumentar ou diminuir o brilho automaticamente em cada espaço que estiver. Porém, o consumo da bateria aumenta. Desabilite essa variação automática.

Mais um fator que pode contribuir é reduzir o brilho da tela e não deixá-la na potência máxima. Adapte o brilho em condições possíveis de enxergar a tela nitidamente. Isso fará com que o dispositivo consuma menos energia.

Modo de economia de energia

Um dos modos mais interessantes, desenvolvido pelas fabricantes, é o de economia de energia. Ao habilitá-lo nas configurações de seu aparelho, o consumo reduz drasticamente. 

Em determinados modelos é possível escolher o nível de economia, que desabilita atualizações em segundo plano. Certifique-se de como é esta função em seu aparelho e veja qual nível é o que mais se adequa a você.

Reduza o tempo em que a tela fica acesa

Quando paramos de usar o smartphone, muitas vezes, deixamos ele bloquear sozinho, não é mesmo? Assim, a tela fica acesa durante um determinado tempo e depois apaga, bloqueando o aparelho. Da mesma maneira que o brilho interfere no consumo de energia, esse tempo ocioso que a tela fica acesa também gasta bateria.

Esse intervalo de tempo chama-se tempo-limite e pode ser alterado nas configurações do aparelho. Siga até o menu da tela e verifique o tempo indicado. Em geral, esse tempo pode variar de poucos segundos, como 15 ou 30, até minutos ou tempo indeterminado, onde o aparelho não bloqueia enquanto o usuário não aciona o botão específico para isso. 

O mais recomendado é alterar a configuração para o menor tempo possível. Com isso, o smartphone bloqueará mais rapidamente quando estiver sem uso. Tente se adaptar a esse tempo reduzido e verá que a bateria aumentará a duração.

Escolha papéis de parede estáticos

Atualmente, os smartphones apresentam a opção de escolhermos papéis de parede, ou também chamados de plano de fundo, dinâmicos. São imagens com movimento ou que se movem ao tocarmos na tela. 

Aparentemente, a opção parece ser muito interessante. No entanto, o consumo da bateria aumenta extremamente. Dessa forma, o mais indicado é optar por planos de fundo estáticos.

Em smartphones Android, costumam-se ter opções de widgets, elementos interativos para acessar apps e informações, disponíveis na tela. Essa função pode ser prática para conferir a previsão do tempo ou uma notícia de última hora, porém, para manter sempre atualizado, isso consome a energia de sua bateria. Prefira eliminar todos da sua tela. 

Diminua a procura por conexões

Estar constantemente conectado a uma rede de internet é fundamental para nosso dia a dia e para que realizemos as atividades necessárias mais rapidamente. Em momentos que não precisa da internet, desative as conexões Wi-Fi e móvel.

Vale apontar ainda que os smartphones têm outras conectividades que podem estar habilitadas e contribuindo para o gasto extra de energia. Dessa forma, verifique se a conexão Bluetooth está ativa sem necessidade, bem como serviços de localização (ou chamado também de GPS) que só deveriam ser ativados no momento de uso.

Atualize sempre

Verifique se os seus aplicativos e sistema operacional estão atualizados com as últimas versões. Além de resolver falhas e/ou problemas de funcionamento, como trazer upgrades, as atualizações podem corrigir os gastos de bateria

Para isso, configure o serviço de atualizações para ser realizado quando estiver conectado a uma rede móvel. Com isso, você poupa dados móveis.  

Dicas extras sobre como economizar bateria do iPhone

Os iPhones mais atuais possuem processadores mais potentes que tendem a controlar o gasto de bateria de uma forma mais saudável. Ainda assim, modelos mais antigos, ou mesmo aplicativos e funções habilitadas, podem fazer seu iPhone gastar bateria de forma mais rápida. 

Além das dicas apontadas, você pode realizar em seu iPhone a desativação de animações. Transições entre as telas e efeito paralaxe dos aplicativos desativados deixam a bateria mais longa.

Outra possibilidade também é desativar o modo “elevar para despertar”. Quando você pegar seu iPhone, ao elevá-lo, o smartphone acende a tela para você desbloquear. Caso sua bateria não esteja tão boa, desative e veja a diferença.

Gostou das dicas de como economizar bateria do celular?

Experimente os truques apresentados e veja as diferenças em seu smartphone. 

E se você gostou das nossas dicas, não deixe de compartilhar esse artigo em suas redes sociais!

Gabriela Resende, jornalista de Portal de Planos
Escrito por:

Gabriela Resende

Graduada em Relações Internacionais (Uni-BH) e Jornalismo (PUC-MG), Gabriela Resende é jornalista do Portal de Planos e especialista em telecomunicações. Por acreditar na importância do acesso à informação, produz conteúdos para que você possa, de forma simples e clara, fazer a escolha dos seus planos de telecomunicações e entender mais sobre tecnologia.

artigos/como-economizar-bateria
4.610