Celular
Atualizado em
Leitura 6 min

Saiba como bloquear celular roubado pelo IMEI [TUTORIAL]

Bianca Broncher, redatora do Portal de Planos

Por

Redatora — Portal de Planos

Tela do computador para login e senha

O celular, nosso companheiro do dia a dia, retém muitas informações importantes da nossa vida pessoal. São inúmeros os dados que você não gostaria que caíssem nas mãos de uma pessoa desconhecida, como contas bancárias, senhas, contatos, fotos e conversas. 

Para o alívio de quem passa pelo infortúnio de ter seu smartphone roubado ou furtado, há uma maneira de bloquear o celular roubado pelo IMEI, impossibilitando que pessoas não autorizadas acessem seu aparelho.

Descubra aqui, no Portal de Planos, o passo a passo para este procedimento essencial para proteção de seus dados e privacidade. Venha conferir!

Conheça os melhores planos de internet móvel!

Converse com nossos atendentes e escolha o seu plano!

O que é o IMEI do aparelho?

A sigla IMEI refere-se à "Identificação Internacional de Equipamento Móvel” (International Mobile Equipment Identity). Trata-se de um código de identificação exclusivo e global dos aparelhos, com cerca de 15 a 17 dígitos, também conhecido como “Número de série”. 

O IMEI segue o padrão de 4 blocos de números divididos por hífen, como “000000-00-000000-0”, e funciona como um número de documento do seu celular!

Saber este código do seu celular é extremamente importante, e te possibilita bloquear um celular roubado pelo IMEI.

É possível cancelar o IMEI do aparelho?

Não é possível cancelar o IMEI do celular, já que ele é o código de identificação do seu aparelho. Essa ação, por outro lado, também não é necessária, já que ele pode ser bastante útil para encontrar o seu aparelho em caso de perda ou roubo!

Como bloquear IMEI do celular?

Caso você tenha seu celular roubado ou perdido, você pode bloquear o IMEI de seu dispositivo seguindo alguns passos simples. Veja como bloquear o celular roubado pelo IMEI!

Faça um boletim de ocorrência

Antes de bloquear o IMEI do celular, faça um boletim de ocorrência. O boletim de ocorrência é importante para comprovar o roubo/furto e ter provas caso seu aparelho seja utilizado em alguma atividade ilícita. 

O B.O. pode ser feito de forma online em algumas regiões do país, então busque se informar sobre as maneiras de registrar a ocorrência no seu município pelo site da Polícia Militar do seu estado. Caso não seja possível realizar um boletim de ocorrência online, este deve ser feito diretamente em alguma delegacia do seu município.

Ter o boletim de ocorrência como garantia pode ser um grande facilitador em todo processo, além de te proporcionar mais segurança legalmente!

Descubra o IMEI do seu dispositivo

Há algumas maneiras de descobrir o IMEI do seu celular: 

  • Diretamente pelo site da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações);
  • Na nota fiscal do aparelho;
  • Na caixa do celular, próximo ao código de barras;
  • Pelo painel de configurações do seu celular;
  • Fazendo uma chamada ao discar *#06# como se fosse ligar para alguém. Seu IMEI será encaminhado por mensagem de texto.

Tendo o IMEI do seu celular em mãos, será possível proteger suas informações no celular roubado!

Bloqueio do celular pelo IMEI

O bloqueio do celular usando a numeração do IMEI pode ser feito ao entrar em contato com a respectiva operadora do seu smartphone, por canais de atendimento específicos.

Abaixo, você encontra os números das principais operadoras do Brasil para contato:

  • Claro – 1052;
  • Vivo – 1058;
  • Tim – 1056;
  • Nextel – 1050;
  • Oi – 1057.

Se a compra do celular foi feita diretamente em alguma loja da operadora, o bloqueio pode ser feito até mesmo sem o código do IMEI, pois a empresa já possui os dados cadastrados no sistema.

Em outros casos, a operadora pode solicitar alguns dados pessoais e o boletim de ocorrência em caso de roubo ou furto, para confirmação dos fatos. Feito o pedido do bloqueio do celular usando o IMEI, o aparelho estará bloqueado em poucas horas. 

Caso seu celular seja encontrado novamente e você precise que ele seja desbloqueado, o pedido pode ser feito novamente para a operadora, e seu celular pode ser utilizado de forma normal novamente.

Vale lembrar que, caso seu aparelho tenha dois chips, o aparelho possui um IMEI para cada chip, e você pode bloquear ambos pelas operadoras.

É possível conferir se o procedimento deu certo e o aparelho está de fato bloqueado consultando a situação do IMEI no site oficial da Anatel

É possível rastrear o celular pelo IMEI?

Caso você queira tentar rastrear o celular, é necessário esperar antes de bloquear o aparelho pelo IMEI, pois o dispositivo ficará inutilizável. O aparelho pode ser rastreado por IMEI por vias legais, com recursos da polícia em parceria com a operadora do celular.

Além disso, atualmente há recursos no próprio celular que possibilitam o rastreio sem o IMEI, mas é necessário que ele esteja conectado à uma rede de internet fixa ou móvel e que esteja com a função GPS ativada. Para um dispositivo Android, o consumidor pode tentar rastrear o aparelho por 3 meios:

  • Acessando o aplicativo “Encontre meu dispositivo”;
  • Abrindo, pelo navegador, o site android.com/find;
  • Buscando “Encontre meu dispositivo” no Google pesquisa.

Após abrir a aba de “Encontre meu dispositivo”, o usuário é informado da localização atual do celular e pode escolher algumas opções, como:

  • Reproduzir som - faz com que um alarme alto soe por 5 minutos;
  • Bloquear - bloqueio do aparelho com senha;
  • Limpar - apagar todo conteúdo do celular. Se esta opção for selecionada, também não será mais possível pesquisar o aparelho pelo “Encontre meu dispositivo”.

Para dispositivos iOS, o procedimento é bem parecido com o Android, e as ferramentas são similares:

  • Buscar o aplicativo “Buscar meu iPhone”;
  • O site icloud.com/find também pode ser acessado com as credenciais utilizadas no celular.

O usuário também receberá a localização do celular no mapa e receberá opções de ações:

  • Reproduzir som - caso estiver próximo ao aparelho, será possível ouvi-lo pelo alarme;
  • Modo perdido - com esta função, o smartphone é bloqueado e o histórico de localização é enviado para a sua conta da Apple. Também é possível encaminhar mensagens que aparecerão na tela do celular roubado;
  • Apagar iPhone - bloqueia o dispositivo e apaga todo o conteúdo dele, como último recurso. Após escolhida essa opção, também não será mais possível utilizar o recurso de “Buscar meu iPhone”.

Com ou sem o IMEI, não faltam recursos para tentar proteger seus dados, seja numa ocasião de roubo, furto ou perda. Não fique por fora dessas dicas! E caso ainda tenha ficado alguma dúvida, saiba aqui como consultar seu IMEI!

Bianca Broncher, redatora do Portal de Planos
Escrito por:Bianca Broncher

Leitora assídua e redatora por amor à escrita, Bianca Broncher faz parte do time de redatores do Portal de Planos. Apaixonada por diferentes formas de comunicação, Bianca se dedica a escrever de maneira a agregar valor com seus conteúdos e ajudar as pessoas a entenderem até mesmo os conceitos mais técnicos em forma de uma história simples e intuitiva. Apesar de já ter escrito sobre diversos temas, têm se especializado na área de telecomunicações.

Conheça mais sobre a autora

PROMOÇÃO: Aproveite Oi Fibra 200 MEGA por apenas R$99,90/mês. Contrate agora online!